“Fica rico, fica pobre!”, esse é o dilema do funcionalismo público do RN nos últimos dias

Postado em

Por Glaucia Paiva

Classificado por muitos servidores como o pior final de ano dos últimos dez anos do funcionalismo público do Estado, o dilema do pagamento dos salários dos servidores está longe de ser concluído.

Sem ceia de Natal e festa de Reveillon, os servidores públicos do RN cada dia mais veem o sonho de um salário em dia cada vez mais distante. Isso porque, após o embargo do Ministério Público Federal junto ao Tribunal de Contas da União a respeito do envio de verbas federais (R$ 600 milhões) para pagamento dos servidores do Estado, o Tribunal de Justiça proferiu decisão favorável aos servidores sobre o remanejamento de verbas oriundas do Fundo Nacional de Saúde (R$ 225 milhões) para pagamento dos servidores do Estado, em especial aos membros das Forças Policiais. Contudo, mais uma vez, os servidores viram seus salários de dezembro e décimo terceiro fugirem das suas mãos, continuando no caos financeiro que vem assolando a vida dos servidores do RN nos últimos 24 meses.

Sem perspectiva alguma do pagamento do 13° salário e do salário de dezembro, o Governo do Estado anuncia, entretanto, a conclusão do pagamento do mês de novembro para aqueles que recebem mais de R$ 4 mil para o próximo dia 06 de janeiro, ou seja, após 36 dias de atraso salarial.

Com o vai e vem das possíveis soluções para o pagamento dos salários dos servidores, muitos ironizam a situação com a frase do personagem idealizado por Ariano Suassuna, em o Alto da Compadecida: “Fica rico, fica pobre”!, chegando a virar um dilema na vida do funcionalismo público do RN.

A situação ganhou repercussão nacional, com a paralisação dos serviços essenciais, como Saúde e Segurança, por motivos diversos (condições de trabalho, situação financeira de servidores, falta de equipamentos, etc) e o RN vem sendo estampado nos noticiários diariamente, mostrando a realidade de um Estado que parece que estancou no serviço público, tão importante para a concretização do interesse público.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s