Já são 60 viaturas e motos da PM paradas por falta de manutenção

Postado em

Por Jornal de Hoje

vtr_mobilização1No terceiro dia da ação “Segurança com Segurança”, que já abrange todos os batalhões da Polícia Militar em Natal e Parnamirim, além do Esquadrão Águia do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE), várias viaturas policiais já foram enviadas para manutenção e conserto pelo Comando Geral da corporação. As condições precárias dos veículos oficiais, somadas à falta de equipamentos de proteção individual e outros problemas, fazem parte das reclamações dos praças da PM, que pedem mais atenção do governo estadual.

A mobilização integra uma série de ações desenvolvidas pelas entidades representativas da categoria, que pedem celeridade na aprovação do projeto de Lei de Promoção dos Praças, parado atualmente nas mãos do chefe da Casa Civil do Estado, Carlos Augusto Rosado. Eles pedem ainda que o projeto seja enviado até a próxima sexta-feira para a Assembleia Legislativa do Estado, para aprovação.

“Os praças não estão se negando a trabalhar, ao contrário, o que queremos é melhores condições para exercer as nossas atividades com segurança para todos, tanto para a população que protegemos, como para nós mesmos. É impossível defender alguém, se não temos segurança para nós mesmos, por falta de condições e viaturas com problemas estruturais e documentais. Felizmente, conseguimos a compreensão de todos os batalhões da Capital e também de Parnamirim”, explicou o presidente da Associação de Subtenentes e Sargentos Policiais Militares e Bombeiros do RN (ASSPMBM/RN) Eliabe Marques.

Ontem, os policiais do 1º BPM (zona Leste), da 2ª Companhia do 4º BPM (zona Norte) e do 9º BPM (zona Oeste) também resolveram participar da ação, somando com os militares do 3º BPM (Parnamirim), 4º BPM e 5º BPM (zona Sul), que já tinham sido orientados a não saírem para diligências em viaturas com algum tipo de irregularidade, como pneus carecas ou gastos pelo uso, com documentação irregular ou falta de equipamentos essenciais para a segurança dos policiais.

“Ao todo, estão paralisadas 46 viaturas policiais e 14 motos. Pedimos desculpas à população pelo transtorno gerado. No entanto, os militares estão conscientes de que a situação está insustentável. Muitos deles chegam a tirar do próprio bolso para manter a polícia na rua e isso não pode continuar assim. Lamentamos profundamente que tenha sido necessário chegar a esse ponto”, afirmou Eliabe.

Através da ação “Segurança com Segurança”, os policiais somente vão às ruas caso lhes sejam oferecidas as condições mínimas de segurança para o exercício da função militar, seja em equipamentos de proteção individual, como em relação ao estado de conservação das viaturas, que esteja em obediência ao Código Nacional de Trânsito Brasileiro.

Comando Geral da PM diz que viaturas com problemas estão em manutenção

“As viaturas que estão com problemas estão sendo retiradas de circulação para manutenção e conserto, mas não existe paralisação das atividades. O que está acontecendo é que a operação ‘Segurança com Segurança’ é uma ação das associações, e que não contam com o apoio da corporação, que faz o possível para garantir tranquilidade a todos”, afirmou o comandante geral da Polícia Militar, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva.

Ele disse ainda que o número de viaturas paradas citadas pelas entidades não procede e explicou que, à medida que são consertadas, elas retornam para as atividades de patrulhamento ostensivo nas ruas das cidades. E que, apesar das baixas momentâneas, a corporação conta com 220 veículos novos, além de motocicletas equipadas para o trabalho nas ruas.

“Estamos orientando todos os comandantes de batalhões e companhias a verificarem as condições físicas e documentais dos veículos e, aquelas que apresentarem problemas, sejam enviadas imediatamente para manutenção, para que possam retornar o mais rápido possível para o policiamento ostensivo. Isso é feito rotineiramente e não depende da ação das associações, ou seja, as que não têm condição, não vão para as ruas, até porque temos veículos novos para isso”, enfatizou o coronel.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s