Soldado Glaucia

"O verdadeiro desafio não é inserir uma idéia nova na mente militar, mas sim expelir a idéia antiga" (Lidell Hart)

NOTÍCIAS DO PAGAMENTO: Governo paga servidores 26 e 27, mas calendário de pagamento continua incerto

Por Thaisa Galvão

fc273-logo_governo2011O Governo do Estado começa a pagar ao funcionalismo público estadual na quinta-feira, dia 26.

No primeiro dia receberão os pensionistas.

Os demais servidores receberão na sexta, dia 27.

“Pelas dificuldades financeiras enfrentadas pelo Estado, não é uma tarefa simples fechar a folha de pagamento. Mas estamos unindo esforços para honrar o pagamento do salário de cada um dos servidores que prestam um serviço tão valoroso ao Rio Grande do Norte”, declarou o governador Robinson Faria.

Segundo o secretário de Planejamento, Gustavo Nogueira, a partir deste mês o Estado começa a reduzir “de forma substancial” a retirada de recursos do Fundo Previdenciário, autorizada por lei.

Agora a previsão é de que a retirada seja reduzida de 90 para 35 milhões.

“O pagamento da folha dentro do mês trabalhado fortalece a relação de respeito do Estado com seus servidores. O governador Robinson Faria pediu empenho total da nossa equipe para honrar todos os compromissos com o funcionalismo. Embora ainda não tenhamos condições de oferecer um calendário fixo para o pagamento, dado o cenário macroeconômico desfavorável, temos trabalhado dia e noite para atingir mais essa meta”, afirmou o secretário.

LEI DE PROMOÇÃO (VÍDEO): Soldado Glaucia esclarece dúvidas sobre o Quadro de Acesso

LEI DE PROMOÇÃO: Polícia Militar convoca 6.659 militares a realizarem inspeção de saúde

Por Glaucia Paiva, via PMRN

A Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte (PMRN), através da Comissão de Promoção de Praças, publicou, nesta quinta-feira (19), no aditamento ao Boletim Geral da Corporação, a convocação de 6.659 policiais militares para serem inspecionados pela Junta Policial Militar de Saúde da instituição a fim de constituir os quadros de acesso às promoções previstas para o dia 21 de abril de 2015.

Na Região Metropolitana foram convocados 3.450 soldados, que deverão apresentar-se para a realização da inspeção de saúde na Academia de Polícia Militar do RN (APM), em Natal, de acordo com a ordem de classificação, entre os dias 03 a 30 de março. Já no interior do estado, foram convocados 1.643 soldados, os quais, conforme unidade de lotação, deverão se apresentar para a inspeção de saúde entre os dias 02 a 27 de março, nas cidades de Mossoró, Caicó e Nova Cruz.

Para as promoções às graduações superiores, foram convocados 601 cabos, 408 3º sargentos, 375 2º sargentos e 182 1º sargentos, os quais realizarão a inspeção de saúde entre os dias 23 de fevereiro a 27 de março, conforme a unidade de lotação.

Todos os militares convocados para a inspeção de saúde deverão realizar exames laboratoriais, tais como hemograma, glicemia de jejum, colesterol total, triglicerídeos, creatinina, uréia, ácido úrico e sumário de urina, além de eletrocardiograma e PSA para os militares com idade superior a 40 anos.

A inspeção de saúde é condição básica e imprescindível para promoção à graduação superior, devendo o militar ser considerado “apto” na referida inspeção, a qual tem validade de 12 meses, conforme dispõe a Lei Complementar nº 515/2014, que dispõe sobre o Regime de Promoção de Praças. 

Confira as Listas de Convocados de acordo com a graduação

Relação de Soldados convocados da Metropolitana

Relação de Soldados convocados do Interior

Relação de Cabos convocados

Relação de 3º Sargentos convocados

Relação de 2º Sargentos convocados

Relação de 1º Sargentos convocados

Imprima a Guia de Solicitação de Exames e a Ficha de Alteração (Sargentos)

Guia de Solicitação para Exames Médicos

Ficha de Alteração para Sargentos

DIÁlRIAS OPERACIONAIS: SESED divulga esclarecimento sobre repasse

Por Assecom/Sesed

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) detectou na tarde desta quinta-feira (19) falhas no enviou de informações feita pela Coordenadoria de Finanças da Policia Militar à Secretaria do Estado de Planejamento e Finanças (Seplan), que ocasionaram o atraso no pagamento de uma pequena parte das diárias operacionais referente a Operação Verão e ao trabalho extra realizado no mês de janeiro de 2015. Diante disso, a secretária Kalina Leite cobrou celeridade na solução do problema e garantiu o pagamento das diárias operacionais o mais rápido possível.

O comandante da Policia Militar do Rio Grande do Norte, Coronel Ângelo Dantas, confirmou que houve um erro ao apresentar as diárias operacionais à Secretaria de Segurança Pública referente ao mês de janeiro, por não incluir os valores referentes à Operação Verão, na ordem de R$ 243,8 mil. O problema foi identificado apenas na Policia Militar, pois os valores das diárias em relação aos demais órgãos da Sesed já haviam sido incluídos e pagos nas diárias operacionais do mês de janeiro.

Quanto ao pagamento das diárias operacionais para os policiais militares que durante o Carnaval 2015 permaneceram trabalhando em suas respectivas cidades, a PMRN comunica que as planilhas, contendo os dados dos policiais que compareceram ao serviço, estão sendo cadastradas no Sistema Integrado de Administração Financeira do Estado (SIAF) para que seja, posteriormente, enviado a Secretaria de Estado de Planejamento e Finanças (Seplan) onde será efetivado a autorização das solicitações de repasses.

O coronel Ângelo Dantas explica que já havia acordado com o Comando de Policiamento do Interior (CPI) de que o repasse destes policiais seria feito após o carnaval, quando as planilhas fossem consolidadas. Ele disse que já recebeu a maioria das planilhas do interior do estado e garantiu que até o final da próxima semana o pagamento será efetuado. “Estamos fazendo uma força tarefa para efetuar este pagamento o quanto antes”, afirma o comandante da PMRN. Ao todo, a PMRN deve efetuar o pagamento de cerca de R$ 204 mil referente as diárias operacionais dos policiais do interior do estado.

A Polícia Militar comunica também que foram registrados dados incorretos relativos à conta bancária de alguns policiais e que isso inviabilizou que parte do dinheiro fosse creditado na conta referente às diárias operacionais do mês de janeiro. No entanto, a PM informa que esses casos pontuais já estão sendo sanados pela instituição. Dos R$ 395,4 mil liberados pelo Governo do Estado para o mês de janeiro, faltam ser pagos R$ 89,1 mil, o que corresponde a 22% do valor total.

O Comando da Policia Militar pede aos policiais que qualquer dúvida ou esclarecimento quanto ao pagamento de diárias operacionais sejam comunicadas imediatamente à Coordenadoria de Finanças do órgão, por meio do telefone 3232-6378, das 8 às 13h, de segunda à sexta-feira, a fim de que sejam corrigidas possíveis falhas que tenham ocorrido.

A Sesed esclarece que desde o dia 10 de fevereiro o Governo do Estado autorizou o repasse de mais de R$ 1,1 milhão para o pagamento das diárias operacionais dos agentes de segurança pública (policiais militares, policiais civis e bombeiros militares) que trabalharam no mês de janeiro, bem como para aqueles profissionais que tiveram que se deslocar para reforçar a Operação Carnaval Mais Seguro em outros municípios.

Em relação às diárias do mês de janeiro, foram repassados R$ 395,4 mil para a Polícia Militar, R$ 95,9 mil para a Polícia Civil e R$ 60,3 mil para o Corpo de Bombeiros Militar. Para o Carnaval, foi feito o pagamento de R$ 595,4 mil para a Polícia Militar, R$ 78 mil para o Corpo de Bombeiros e R$ 86,9 mil para a Polícia Civil.

NOTÍCIAS DO PAGAMENTO: Estado depende do FPE para pagamento de funcionalismo público

Por Tribuna do Norte

O governo do Estado aguarda a parcela do Fundo de Participação do Estado (FPE) de fevereiro para definir o pagamento do  funcionalismo público deste mês. A previsão é que o depósito na conta do Governo seja feito amanhã, dia 20. Com as dificuldades financeiras que perduram desde a gestão anterior, o Governo busca soluções para manter o pagamento em dia, como feito em janeiro.

“Há uma firme determinação do Governador Robinson Faria para que a folha dos servidores seja paga dentro do mês, mas ainda está em estudo junto a Seplan e aguardamos também a cota do FPE e que esta não sofra frustração de receita”, frisou a secretária-chefe do Gabinete Civil, Tatiana Mendes Cunha.

Até a próxima terça-feira, o Governo espera ter uma definição sobre a folha.  Tatiana Mendes descarta a adoção de atraso ou calendário para pagamento fracionado como feito na gestão Rosalba.

Previsão do Tesouro Nacional para o primeiro trimestre aponta uma queda no repasse que para o RN poderá chegar a R$ 65 milhões. Em novo cálculo divulgado na última semana, a STN  aponta  aumento zero no mês de fevereiro na comparação com janeiro deste ano e em março a queda será de 32%. Antes a previsão era de queda de 10% em janeiro, no comparativo com o mês anterior (Dez/2014), aumento de 36% em fevereiro e queda 32% em março.

A nova estimativa, divulgada  pelos técnicos do Tesouro, mostra ainda que fevereiro, a exemplo do que ocorreu em janeiro, terá repasses inferiores (-4,8%) a fevereiro de 2014.

O Fundo de Participação é formado pelo Imposto de Renda e pelo Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). A queda da produção industrial e a estagnação da economia ajudaram a afundar do FPM.

PM’s do interior são preteridos em condições de trabalho e diárias operacionais

Por Glaucia Paiva, via Portal BO

Não é de hoje que os policiais militares do interior do Estado reclamam da falta de condições de trabalho e da preferência que tem os Governos de oferecer “melhores” condições às unidades da capital potiguar.

Se há entregas de viaturas, os militares pertencentes ao Comando de Policiamento Metropolitano são preferidos e contemplados com maior número de veículos em detrimento às unidades do interior do Estado, que recebem (quando recebem) um número ínfimo, e, muitas das vezes, recebem as viaturas substituídas da capital.

Se a realidade na capital já é ruim, no interior do Estado é ainda pior. Muitas das vezes a alimentação é fornecida por prefeituras, empresários, causando até um desconforto e uma dependência política da prestação do serviço público que deveria ser impessoal.

Exemplo dessa preterição é o pagamento de diárias operacionais que primeiro sempre ocorre para os militares da capital, deixando o interior do Estado em segundo plano. Neste carnaval, por exemplo, os PM’s de Natal já embarcaram para reforçar o policiamento no interior do Estado com o dinheiro no bolso, recebendo o valor de R$ 500; enquanto, os militares do interior sequer tem previsão para recebimento do serviço extraordinário prestado.

O fato já é corriqueiro e causa revolta nos PM’s lotados nas unidades do interior. No ENEM, por exemplo, primeiro foram pagas as diárias dos policiais da capital para somente após o interior do Estado.

Em tempos de globalização, parece que a distância vai além de quilômetros.

LEI DE PROMOÇÃO: Boletim Geral trará convocação para inspeção de saúde

Por Glaucia Paiva

Próxima semana, após o carnaval, deverá está sendo publicada a relação da convocação de Praças da PMRN no intuito de serem inspecionados pela Junta Policial Militar de Saúde, a fim de se constituir os Quadros de Acesso às promoções previstas para o dia 21 de abril.

A informação obtida pelo blog é de que serão mais de 7 mil policiais militares convocados, que deverão apresentar os exames médicos, no intuito de serem incluídos no Quadro de Acesso para as promoções do dia 21 de abril.

No entanto, a inclusão no Quadro de Acesso não significa necessariamente que o policial militar será promovido no dia 21 de abril, mas a colocação em que o mesmo se encontra na ordem de promoção.

Outrossim, os exames médicos realizados pelos militares deverão ter validade de um ano, garantindo que o militar permaneça no Quadro de Acesso pelo mesmo período para as promoções posteriores.

 

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.006 outros seguidores